Sistemas de Gerência de Manutenção de Pavimentos Urbanos e Índices de Serventia do Pavimento

Considerações sobre o trabalho:

Desenvolvido pelo Grupo de Estudo e Pesquisa Técnicas de Manutenção de Pavimentação Asfáltica (GEP TecPav), representado pelo Engº Amândio Martins, da Escola Superior de Gestão e Contas Públicas Conselheiro Eurípedes Sales do Tribunal de Contas do Município de São Paulo, tendo recebido, em 2016, o Prêmio de “Melhor Trabalho Técnico do Ano Analisando Temas de Interesse Público” pelo Instituto de Engenharia de SP.

Este trabalho propõe o Índice de Serventia Urbana (ISU) para os estudos de “Novas Diretrizes para um Plano de Gestão Viária” da Prefeitura do Município de São Paulo, desenvolvido por determinação e com a participação do Engº Domingos Dissei, então Secretário da Secretaria das Administrações Regionais (SAR) em julho de 1999. Seu desenvolvimento contou com apoio da LENC Laboratório de Engenharia e Consultoria Ltda, tendo como coordenador geral o Prof Dr. Douglas Fadul Villibor.

Nos meios técnicos os conceitos expressos neste trabalho foram apresentados, originalmente, como  “Proposta de um Plano de Gestão de Manutenção Viária para a Cidade de São Paulo” de autoria de Villibor, D. F., Dissei, D., Azevedo Filho, O., Cincerre, J. R., Beligni, M., em evento realizado pela ABPv no 3º Simpósio Internacional de Avaliação de Pavimentos (SINAPPRE). Belém-PA, Novembro de 1999.

Os conceitos do Índice de Serventia Urbana atualmente acham-se aprovados como lei na Câmara Municipal do Município de São Paulo, faltando apenas serem sancionados pelo Exmo. Sr. Prefeito de São Paulo para iniciar sua aplicação.

 

Download: SISTEMAS DE GERÊNCIA DE MANUTENÇÃO DE PAVIMENTOS URBANOS E ÍNDICES DE SERVENTIA DO PAVIMENTO

Participe, faça um comentário

  • +Lidos
  • Últimos
  • +Comentados
  • Tags
  • Assine